sábado, 23 de abril de 2016

Queda de ciclovia faz imprensa estrangeira questionar RJ como sede olímpica

Custódio Coimbra / Agência O Globo


O desabamento de um trecho da ciclovia Tim Maia, na Avenida Niemeyer, no Rio de Janeiro, faz a imprensa internacional colocar em dúvida a capacidade da cidade para ser sede das Olimpíadas de 2016, marcadas para agosto.

O acidente aconteceu na manhã desta quinta-feira (21) e deixou ao menos duas pessoas mortas. Testemunhas que viram o acidente afirmaram se assustar com o tamanho das ondas no local.

O The Guardian, da Inglaterra, é um dos mais duros. Logo no primeiro parágrafo da matéria, o jornal afirma que o acidente "causa danos à credibilidade da cidade para receber o evento". Depois, completa: "O acidente, que ocorreu a aproximadamente 100 dias do início das Olimpíadas, é um enorme problema para o prestígio do Rio de Janeiro e levanta questões sobre a engenharia e os padrões de seguranças da sede".

O The New York Times, dos Estados Unidos, ressalta que a ciclovia não seria usada diretamente para a competição, embora fizesse parte do pacote de obras para o evento. "Apesar de a Olimpíada não acontecer de fato na ciclovia, o acidente provavelmente vai causar preocupações sobre o quanto o país está pronto para sediar os Jogos".








Vários outros veículos de imprensa, como a BBC, CBS e Chicago Tribune relatam a tragédia e mostram a relação entre a ciclovia e a preocupação com a preparação do Rio de Janeiro para os Jogos.

Recentemente, a imprensa internacional também fez destaques para o momento que o Brasil vive com a aproximação das Olimpíadas. O surto de Zika, o conturbado momento político e as constantes notícias de mortes por assalto fazem os jornais questionarem se este é o momento adequado para tal competição.



POR GUSTAVO GOULART / GUILHERME RAMALHO 21/04/2016 11:33 / atualizado 21/04/2016 23:00

Ressaca derruba parte da ciclovia da Avenida Niemeyer - Custódio Coimbra / O Globo
PUBLICIDADE

RIO - Um trecho de mais de 50 metros da ciclovia Tim Maia, na Avenida Niemeyer, desabou por volta das 11h10m desta quinta-feira, deixando pelo menos dois mortos. O acidente foi na altura do Castelinho, a cerca de 800 metros da Praia de São Conrado. Com a ajuda de lanchas e de um helicóptero, as buscas por outras possíveis vítimas foram encerradas às 18h. Os trabalhos serão retomados na manhã desta sexta-feira. A Polícia Civil abriu um inquérito para investigar as causas do acidente

Na noite desta quinta-feira, o corpo de uma das vítimas foi identificado como Ronaldo Severino da Silva, de 60 anos. Também morreu no desabamento o engenheiro Eduardo Marinho Albuquerque, de 54 anos. Ele foi reconhecido pelo cunhado. A ciclovia foi inaugurada em janeiro deste ano e custou R$ 44,7 milhões.


Dois corpos de vítimas do desabamento são resgatados pelos bombeiros - Guilherme Leporace / O Globo
A Avenida Niemeyer foi interditada nos dois sentidos, segundo o Centro de Operações da Prefeitura. Os motoristas devem seguir pela Autoestrada Lagoa-Barra.

Veja também

Ciclovia não resistiu a ondas fortes e parte da estrutura desabou Ondas fortes deveriam estar previstas no projeto de ciclovia, diz especialista
Acidente na ciclovia da Avenida Niemeyer. O mar agitado derrubou parte da ciclovia‘Tive muita sorte mesmo’, diz dona de casa que viu desabamento de ciclovia
DE BIKE: A experiência de quem estava na ciclovia na hora do desabamento
Parte da ciclovia da Avenida Niemeyer é destruída na altura da Gruta da ImprensaFOTOGALERIACiclovia desaba em São Conrado e deixa mortos
O secretário municipal de Governo Pedro Paulo Carvalho afirmou que é prematuro dizer que houve falha na construção da ciclovia:

- É hora de os engenheiros avaliarem e fazerem um laudo. Estamos apurando as causas e falando com a empresa que construiu a ciclovia. Todos os cálculos que foram feitos serão revistos. Estamos com técnicos da GeoRio para identificar esse acidente. É claro que há a suspeição para saber se a ciclovia é segura ou não. A prefeitura vai cobrar, seja da empresa que fez a obra, dos engenheiros que fizeram o cálculo. Vamos cobrar a responsabilidade de quem fez - disse Pedro Paulo, que acrescentou que o prefeito Eduardo Paes está voltando de Atenas.

Leia mais sobre esse assunto em http://oglobo.globo.com/rio/desabamento-de-ciclovia-recem-inaugurada-deixa-ao-menos-dois-mortos-19139109#ixzz46eIDndlG
© 1996 - 2016. Todos direitos reservados a Infoglobo Comunicação e Participações S.A. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.



The collapse of a section of the bike path Tim Maia, the Niemeyer Avenue, in Rio de Janeiro, the international press is put into question the city's ability to host the 2016 Olympic Games, scheduled for August.

The accident happened on the morning of Thursday (21) and left at least two people dead. Witnesses who saw the accident said to be frightened by the size of the waves in place.

The Guardian of England, is one of the toughest. In the first paragraph of the matter, the newspaper said the accident "cause damage to the credibility city to host the event." Then he adds: "The accident, which occurred approximately 100 days of the start of the Olympics, is a huge problem for the prestige of Rio de Janeiro and raises questions about the engineering and headquarters of security standards."

The New York Times, the United States points out that the bike path would not be used directly for the competition, although forming part of works package for the event. "Despite the Olympics not actually happen on the bike path, the accident will likely cause concerns about how the country is ready to host the Games."


Several other media outlets such as the BBC, CBS and Chicago Tribune reported the tragedy and show the relationship between the cycle path and concern for the preparation of Rio de Janeiro for the Games.

Recently, the international press has also featured for the moment that Brazil lives with the approach of the Olympics. The outbreak of Zika, political troubled time and the constant news of deaths by assault make the newspapers questioning whether this is the right time for such a competition.

BY GUSTAVO GOULART / WILLIAM RAMALHO 04/21/2016 11:33 / updated 04/21/2016 23:00

Hangover tips of the bike path of Niemeyer Avenue - Custodio Coimbra / The Globe
ADVERTISING

RIO - A stretch of more than 50 meters from the bike path Tim Maia, the Niemeyer Avenue, collapsed around 11h10m Thursday, leaving at least two dead. The accident was at the time of Castelinho, about 800 meters from São Conrado beach. With the help of boats and a helicopter, the search for other possible victims were closed to 18h. The work will be resumed in the morning on Friday. The Civil Police opened an inquiry to investigate the causes of the accident

On the evening of Thursday, the body of one of the victims was identified as Ronaldo Severino da Silva, 60. Also died in the collapse Eduardo Marinho Albuquerque engineer, 54. He was recognized by the brother. The bike path was opened in January this year and cost $ 44.7 million.


Two landslide victims bodies are rescued by firefighters - William Leporace / O Globo
Niemeyer Avenue was closed in both directions, according to the Hall Operations Center. Motorists should take the Highway Pond-Bar.

See too

Bike path could not resist strong waves and part of the structure collapsed Strong waves should be provided for in the bike lane project, says expert
Accident on the bike path of Niemeyer Avenue. The seaway down part of ciclovia'Tive lucky even, "says housewife who saw collapse of bike path
BIKE: The experience of who was on the bike path at the time of collapse
Part of the bike path of Niemeyer Avenue is destroyed at the time of the Grotto of ImprensaFOTOGALERIACiclovia collapses in São Conrado and leaves dead
The municipal secretary of Government Pedro Paulo Carvalho said it is premature to say that there was a failure to build the bike path:

- It is time for engineers to evaluate and make an award. We are investigating the causes and talking to the company that built the bike path. All calculations were made will be reviewed. We have technicians GeoRio to identify this accident. Of course there is suspicion as to whether the bike path is safe or not. The city will charge, is the company that made the work of the engineers who did the calculation. We will charge the responsibility of those who did - said Pedro Paulo, who added that the mayor Eduardo Paes is coming back from Athens.

Read more about this in http://oglobo.globo.com/rio/desabamento-de-ciclovia-recem-inaugurada-deixa-ao-menos-dois-mortos-19139109#ixzz46eIDndlG
© 1996 - 2016. All rights reserved Infoglobo Comunicação e Participações SA This material may not be published, broadcast, rewritten or redistributed without permission.





Postar um comentário